Não é só o silêncio da Anitta que é (ou era) ensurdecedor

A partir de hoje, o The Jonatas’ Posts começa a passar por uma reformulação muito importante. Vou deixar de lado as crônicas sobre temas aleatórios e com foco mais leve e passo usar este espaço com um objetivo mais jornalístico e de acordo com o que é necessário neste momento do país: opinar e repercutir sobre os absurdos que são apresentados todos os dias.

Senti a necessidade de deixar o meu blog com viés opinativo por necessidade pessoal e também por saber que todo e qualquer posicionamento é importante. Não podemos ficar calados e eu, jornalista, não posso deixar de opinar ou guardar as minhas opiniões para os meus círculos mais íntimos.

Vivemos uma situação de extremo abuso social, da política à ecomomia passando, inclusive, pela saúde e por questões relacionadas à eleição, em um cenário que beira a total distopia. Manter essa indignação presa nas paredes ou perdida em conversas no Whatsapp e posts eventuais em redes sociais é inútil.

E se o papel do jornalismo é promover o debate, a partir de agora o The Jonatas’ Posts vai ter essa orientação. Afinal, não é só o silêncio da Anitta que é (ou era) ensurdecedor. Quando cada um de nós brasileiros nos calamos, o silêncio resultante dessa massa muda é igualmente ensurdecedor e absolutamente danoso.

E assim, quem promove o caos o segue praticando seja por entender que o silêncio soa como aprovação das atrocidades ou, ainda, por acreditar que seu pensamento autoritário tudo pode e tudo consegue.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Sobre quando eu sonhava em ser herói

Jô Soares e a hipótese do humor